Ministro da Defesa será cobrado pelos 80 tiros disparados no Rio

0
36

General Fernando de Azevedo e Silva estará numa comissão da Câmara; Eduardo Bolsonaro foi o autor do requerimento

access_time

10 abr 2019, 06h33

O ministro da Defesa, general Fernando de Azevedo e Silva, será cobrado pela oposição dos 80 tiros disparados pelo Exército no último domingo, no Rio. Ele estará numa audiência pública amanhã cedo na Comissão de Relações Exteriores e Defesa Nacional.

E o autor do requerimento, que é de algumas semanas, é ninguém menos que o deputado Eduardo Bolsonaro, que preside a comissão.

O tema inicial seria as prioridades para o ano do ministério, mas, a essa altura, foi para as cucuias. A oposição vai cobrar o ocorrido no Rio. O general se preparou para pressão que vem pela frente.

 

 

 



Fonte: Redação SBTV

Os comentários postados são de responsabilidade inteiramente de seus autores e não representa a opinião desse site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie!

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here